Jornalista Bolsonarista pode ter ficado paraplégico, em prisão decretada pelo ministro Alexandre de Moraes



O jornalista, Oswaldo Eustáquio, que foi preso, na sexta-feira (18), após sair de sua residência e se dirigir ao Ministério dos Direitos Humanos para reunir-se com a chefe da pasta, Damares Alves, pode estar paraplégico. A informação é extra oficial.

O jornalista deu entrada no Hospital de Base, às pressas, na noite desta segunda-feira (21) e, segundo consta no laudo oficial assinado pelo médico fez o atendimento emergencial, seu estado é grave. 

Por enquanto a esposa, Sandra Terena  e nem o advogado de defesa teve contato com o suspeito de atentar contra o processo democrático no brasil.

Em julho desse ano, Osvaldo Eustáquio, foi preso por fazer parte de uma organização  que vinha organizando atos antidemocráticos. Durante as manifestações, incentivava os manifestantes a exigir o fechamento do Congresso e do Supremo Tribunal Federal. 

Nas redes sociais, o jornalista, Allan dos Santos, divulgou o laudo médico que atesta a incapacidade de Eustáquio de movimentar as pernas. O acidente ocorreu, após ele ter caído  de cima de uma privada, após ter tentado consertar o chuveiro do banheiro da prisão onde está encarcerado por determinação do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes.

Segundo informação, Oswaldo Eustáquio teve acunhamento da coluna vertebral, com colapso parcial da placa terminal superior, determinado redução da altura dele em 30%.

Durante a madrugada desta terça-feira (22), Sandra Terena fez uma publicação no Twitter para informar que ainda não havia conseguido permissão para falar com Eustáquio, que estava incomunicável.

Compartilhar por Whatsapp

About Julio Take

Júlio Take, nasceu em Maringá-Paraná em 1967. Teve a primeira experiência profissinal em 1986, no O Jornal de Maringá. após essa primeira experiencia, trabalhou um tempo em Cascavel e Foz do Iguaçu. Após alguns anos militando na imprensa da região oeste do estado do Paraná, foi convidado a integrar a equipe da Agência de Notícias News.

0 comentários :