APP-Sindicato convoca reunião, com indicativo de greve no Paraná e PSS fica fora da votação

 


Com constantes cobranças, a APP-Sindicato do Paraná convoca reunião com um indicativo de greve pela educação no estado do Paraná, o clamor de grande parte dos educadores foi ouvido e deve acontecer na próxima quinta-feira (26).  A assembleia vai acontecer, após o governo, de Carlos Massa Ratinho Junior, ter enrolado a direção da APP-Sindicato, prometendo um encontro com a direção do órgão que representa os educadores na segunda-feira (23) que, infelizmente, não aconteceu.   

 A reunião, que vai acontecer via online, devido aos altos índices da pandemia do covid-19 em todo o Paraná, vai decidir sobre uma possível greve.   

  

Um grupo de professores tem debatido a necessidade de transparência no tema da greve e que, na reunião que vai acontecer na quinta-feira, somente um pequeno grupo vai poder se manifestar, e os PSSs novamente vão ficar de fora, já que a greve é para defende-los, a maioria não é filiada à APP e, portanto, não tem direito de se posicionar e futuro do movimento vai ser decidido por um grupo de sindicalizados.  

  

“Sabemos que a grande maioria PSS não é filiada, e mesmo que se filiasse hoje, não poderia votar. Assim, a direção estadual da APP sindicato e seus dirigentes associados dão um verdadeiro golpe em milhares de PSS, que só poderão assistir os próprios dirigentes sindicais falarem como são superiores à própria classe PSS por fazer a greve de fome que ninguém quis fazer” - informa uma fonte ao Blog do Take.  

  

Na opinião dessa mesma fonte, o evento que vai acontecer “será um verdadeiro show de sindicalismo sensacionalista onde os mártires, que não foram mártires, serão o centro das atenções. Os milhares de PSS devem se levantar imediatamente e cobrar o direito de voto na assembleia estadual de greve já.”  

  

Em sua afirmação, após a direção da APP-Sindicato banalizar a ideia de greve dizendo que quem não come faz greve, a reunião dos dirigentes sindicais é um comando de greve e a assembleia estadual de quinta feira não será para definir interesse da maioria,  que apenas os filiados sindicais poderão votar.   

  

Para participar da assembleia, será necessário que os interessados façam um cadastro prévio na página da APP-Sindicato.  O sistema de credenciamento, já está disponível desde essa manhã. Para realizar a inscrição é necessário informar o RG para criar um login e uma senha.    

  

De acordo com informação da APP-Sindicato, “a assembleia vai ser realizada através da ferramenta de videoconferência. O educador vai receber um link  de acesso no e-mail utilizado no cadastro.” 

  

Compartilhar por Whatsapp

About Julio Take

Júlio Take, nasceu em Maringá-Paraná em 1967. Teve a primeira experiência profissinal em 1986, no O Jornal de Maringá. após essa primeira experiencia, trabalhou um tempo em Cascavel e Foz do Iguaçu. Após alguns anos militando na imprensa da região oeste do estado do Paraná, foi convidado a integrar a equipe da Agência de Notícias News.

0 comentários :