Deputada é denunciada como mandante de morte do marido


Nesta manhã de segunda-feira (24), a Polícia Civil cumpriu 11 mandados de prisão e outros de busca e apreensão contra  a deputada federal Flordelis (PSD-RJ) e familiares.

A parlamentar foi denunciada pelo MP-RJ (Ministério Público do Rio de Janeiro) e a Polícia Civil como a mandante do assassinato do marido, o pastor Anderson do Carmo, morto em 2019. Os mandados foram expedidos pelo Juízo da 3ª Vara Criminal de Niterói.

Os mandados foram cumpridos na casa onde mora a deputada, em São Gonçalo, Rio de Janeiro e Brasília, onde ela possui um apartamento funcional. Os filhos de Flordelis e uma neta foram presos.

Como tem foro privilegiado, a parlamentar não será presa agora.

Gilberto Kassab, presidente do PSD, já comentou sobre o assunto informou que irá suspender a filiação de Flordelis e que o partido poderá expulsar a deputada.

Compartilhar por Whatsapp

Julio Take

Júlio Take, nasceu em Maringá-Paraná em 1967. Teve a primeira experiência profissinal em 1986, no O Jornal de Maringá. após essa primeira experiencia, trabalhou um tempo em Cascavel e Foz do Iguaçu. Após alguns anos militando na imprensa da região oeste do estado do Paraná, foi convidado a integrar a equipe da Agência de Notícias News.

0 comentários :