São Carlos do Ivaí - Prefeito e vereadora são condenados, em primeira instância, e perdem os direitos políticos

O juiz Gustavo Adolpho Perioto, de Paraiso do Norte, (distante de Maringá a 100,7km) condenou, parcialmente, o prefeito de São Carlos do Ivai, José Luiz dos Santos, a vereadora Fabiana Magnani Trevelin dos Santos e os empresários: Luciano Otilio dos Santos e Jean Vitor Moraes, pela prática de improbidade administrativa.

O ato praticado rendeu, as autoridades de São Carlos do Ívai, a suspensão dos direitos políticos por 3 anos; o pagamento de multa no valor de duas vezes os vencimentos do prefeito e da vereadora, do mês de março, época da condenação. A decisão ainda cabe recurso. A condenação aconteceu no dia 23 de abril desse mesmo ano.

O caso veio à tona após um vereador denunciar o grupo, em 2018, por usar uma empresa de fachada, que formalizou um contrato para atender a prefeitura, após uma licitação que aconteceu em 2017, pertencente a Jean Vitor de Moraes. Este é apontado como testa de ferro da empresa L O DOS SANTOS & TREVELIN LTDA, que pertence a vereadora Fabiana Magnani Trevelin dos Santos e de seu marido Luciano Otilio dos Santos.

O vereador achou estranho que a empresa vencedora de um pregão presencial pertencia a um funcionário de uma revenda de peças automotivas e resolveu investigar o caso. Após confirmar as suas suspeitas, o parlamentar resolveu denunciar os envolvidos no Ministério Público Estadual.

No dia 5 de abril 2019 teve início, no Fórum de Paraíso do Norte, o processo que culminou com a cassação dos direitos políticos.

Saiba mais



Compartilhar por Whatsapp

Julio Take

Júlio Take, nasceu em Maringá-Paraná em 1967. Teve a primeira experiência profissinal em 1986, no O Jornal de Maringá. após essa primeira experiencia, trabalhou um tempo em Cascavel e Foz do Iguaçu. Após alguns anos militando na imprensa da região oeste do estado do Paraná, foi convidado a integrar a equipe da Agência de Notícias News.

0 comentários :