Primeiro ecoponto já está em fase final de instalação no Jardim Piatã


O primeiro ecoponto dos cinco previstos está em fase final de implantação, no Jardim Piatã. Contêineres já foram instalados no local para receber recicláveis e materiais inservíveis. A instalação foi amplamente discutida com a comunidade do entorno. A previsão da Secretaria do Meio Ambiente e Bem-Estar Animal, da Prefeitura de Maringá, é colocar o ecoponto em funcionamento ainda este mês. A operação vai seguir modelo aplicado com sucesso em outras cidades.

“Vamos testar um modelo e fazer as adaptações necessárias para então replicá-lo em outros ecopontos que serão instalados ao longo do ano. De imediato, o mais importante é a compreensão, pelo cidadão, dos objetivos e propostas do projeto”, afirma o secretário de Meio Ambiente e Bem-Estar Animal, Marco Antônio Azevedo. O início de funcionamento do ecoponto será antecedido de ampla orientação sobre o descarte responsável e uso adequado do local. 

Os contêineres, de 12 metros de comprimento e com as repartições necessárias para receber recicláveis e outros materiais, serão instalados em área paisagística para remeter a lazer e entretenimento. Não por acaso está ao lado do ′Meu campinho′, área de lazer com campo de grama sintética, e do viveiro de flores, em fase de instalação, cujo funcionamento seguirá o modelo das hortas comunitárias. Fora dos contêineres serão instaladas caçambas para receber pequenos volumes de restos de construção.

Marco Antonio explica que a utilização do ecoponto será amplamente explicada ao cidadão e no processo de utilização do local evolua para um formato cada vez mais eficiente. “Não se tata de um modelo definitivo, mas sujeito a mudanças e adaptações. O importante é que este projeto representa o enfrentamento de um problema contemporâneo muito grave e urgente: o lixo, seja ele reciclável ou não. Todos fazemos parte do problema e também da solução”, afirma o secretário.
Compartilhar por Whatsapp

Julio Take

Júlio Take, nasceu em Maringá-Paraná em 1967. Teve a primeira experiência profissinal em 1986, no O Jornal de Maringá. após essa primeira experiencia, trabalhou um tempo em Cascavel e Foz do Iguaçu. Após alguns anos militando na imprensa da região oeste do estado do Paraná, foi convidado a integrar a equipe da Agência de Notícias News.

0 comentários :