Patrulha Escolar muda dinâmica de inspeções na rede municipal



A Prefeitura de Maringá, por meio Secretaria de Segurança Municipal, renovou a dinâmica de atividades da Patrulha Escolar, realizada pela Guarda Municipal. O projeto abrange centros municipais de ensino (CMEI's e escolas). O programa inicial cobria 12 CMEI's das regiões com o maior índice de registros policiais. No novo formato, o patrulhamento vai alcançar toda a rede de ensino, incluindo distritos.

A Patrulha Escolar faz rondas externas, internas e apontamentos sobre problemas na infraestrutura das escolas, como vidros quebrados por ato de vandalismo. As unidades são monitoradas, à noite, por equipamentos de vigilância terceirizada. Sensores de movimento disparam alarme na central de monitoramento. As rondas são realizadas de segunda a sexta durante o período letivo.

O programa busca garantir a segurança e a inserção da Guarda Municipal na comunidade escolar. Os agentes de segurança também educam e conscientizam os alunos sobre a violência, física, doméstica, ao patrimônio público e bullying.

DENÚNCIA: as denúncias podem ser realizadas por meio do canal de contato da Guarda Municipal (153). O procedimento acontece quando a patrulha recebe denúncias ou visualiza perigo à comunidade. Os agentes municipais vão até a unidade de ensino verificar e realizar um relatório (boletim de ocorrência interno da Guarda Municipal).
Compartilhar por Whatsapp

Julio Take

Júlio Take, nasceu em Maringá-Paraná em 1967. Teve a primeira experiência profissinal em 1986, no O Jornal de Maringá. após essa primeira experiencia, trabalhou um tempo em Cascavel e Foz do Iguaçu. Após alguns anos militando na imprensa da região oeste do estado do Paraná, foi convidado a integrar a equipe da Agência de Notícias News.

0 comentários :