Morre aos 92 anos Paulo Duque, ex-senador pelo Rio de Janeiro



Em 2002, ele foi escolhido como segundo suplente do senador Sérgio Cabral (PMDB), eleito para o mandato de 2003 a 2011. 

Com a renúncia de Cabral, eleito governador do Rio, e com a licença do primeiro suplente Regis Fichtner, escolhido titular de uma das pastas do governo de Cabral, Paulo Duque assumiu a vaga de senador em janeiro de 2007. 

Em 2009 foi escolhido presidente do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar do Senado. Em julho de 2010 deixou o cargo de senador com o retorno de Regis Fichtner. 

O ex-senador Paulo Duque era casado com Consuelo Tarquínio Duque e tinha dois filhos. 

O enterro será nesta quinta-feira (27), às 14h, no cemitério São João Batista, na cidade do Rio de Janeiro.
Fonte: Agência Senado

Compartilhar por Whatsapp

Julio Take

Júlio Take, nasceu em Maringá-Paraná em 1967. Teve a primeira experiência profissinal em 1986, no O Jornal de Maringá. após essa primeira experiencia, trabalhou um tempo em Cascavel e Foz do Iguaçu. Após alguns anos militando na imprensa da região oeste do estado do Paraná, foi convidado a integrar a equipe da Agência de Notícias News.

0 comentários :