Maringá com dois projetos na final do Prêmio Gestor Público


A Prefeitura de Maringá está na final do Prêmio Gestor Público Paraná (PGP-PR). O projeto de Parques de Cordas e o aplicativo para castração Petis foram selecionados entre mais de 200 iniciativas de 82 municípios. O resultado será divulgado no dia 12 de novembro em solenidade na Assembleia Legislativa.

O Parque de Cordas está presente nas áreas de lazer do Meu Campinho, complexo de lazer, convivência e esporte levado para diversas regiões da cidade. Diferente de parques convencionais, o de cordas amplia o desafio, equilíbrio, a tomada de decisão e a sociabilidade dos pequenos.

Um brinquedo simples mas que promove o desenvolvimento das crianças e a integração dos moradores do bairro”, explica o secretário de Mobilidade Urbana, Gilberto Purpur, um dos idealizadores e responsáveis pela iniciativa.

Já o aplicativo Petis tem o objetivo de facilitar o acesso à castração de animais sem dono e de organizações não governamentais. Desde o lançamento, em maio deste ano, foi baixado em 3 mil celulares, e em menos de 2 meses, solicitadas cerca de 1,5 mil castrações.

A iniciativa é pioneira e marcada pelo interesse de outros municípios, inclusive de outros estados, lembrando que o download foi feito por usuários de mais de 60 cidades”, explica o secretário de Meio Ambiente e Bem Estar Animal, Marco Antonio Lopes de Azevedo.

O Prêmio Gestor Público Paraná está em sua 7ª edição e é uma iniciativa do Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita do Estado do Paraná (Sindafep).
Compartilhar por Whatsapp

Julio Take

Júlio Take, nasceu em Maringá-Paraná em 1967. Teve a primeira experiência profissinal em 1986, no O Jornal de Maringá. após essa primeira experiencia, trabalhou um tempo em Cascavel e Foz do Iguaçu. Após alguns anos militando na imprensa da região oeste do estado do Paraná, foi convidado a integrar a equipe da Agência de Notícias News.

0 comentários :